Vale mais perto de se dividir

December 2, 2014

A Vale considera realizar uma oferta pública de ações (IPO, na sigla em inglês) de parte de seu negócio global de metais básicos nas bolsas de Toronto e Londres, enquanto busca financiamento para projetos importantes em meio ao colapso dos preços do minério de ferro. A informação publicada pela Reuters, que ouviu duas fontes com conhecimento do assunto.

 

 

As fontes, que pediram para não ser identificadas pois não estavam autorizadas a falar sobre o assunto publicamente, afirmaram que a Vale, maior produtora de minério de ferro do mundo, deve deter participação majoritária na nova entidade se prosseguir com o plano.

A expectativa é que a mineradora revele o plano de listar o novo negócio nas bolsas de Toronto, no Canadá, e de Londres, na Inglaterra, nesta terça-feira durante o Vale Day, evento para investidores em Nova York, segundo afirmou uma das fontes.

A outra fonte afirmou à Reuters que houve uma discussão significativa dentro da Vale sobre a listagem dos ativos de metais básicos, que têm se saído melhor do que o negócio de minério de ferro devido aos preços mais estáveis.

O negócio de minério de ferro da Vale respondeu por 62% da receita bruta da empresa no terceiro trimestre. As operações globais da Vale também incluem ativos de níquel no Canadá, Indonésia e Nova Caledônia, minas de carvão na Austrália e Moçambique, bem como projetos de cobre no Canadá, Brasil e Zâmbia.

Os preços do minério de ferro caíram 48% este ano, atingindo a mínima dos últimos cinco anos, à medida que mineradoras como Vale, Rio Tinto e BHP Billiton elevaram a produção em um momento em que a demanda da China, principal consumidora da commodity, diminuiu.

O UBS estima que o custo da Vale para produzir uma tonelada de minério de ferro e enviá-la para a China é de US$ 67, o que deixa a mineradora em situação apertada enquanto busca completar o S11D, projeto de minério de ferro de US$ 20 bilhões em Carajás, no Pará.

De acordo com a Reuters, como o S11D é vital para a estratégia da Vale de proteger sua participação no mercado de minério de ferro e reduzir os custos de produção, a companhia tem pouco espaço de manobra e tem sofrido pressão em relação ao investimento no negócio, o maior projeto de minério de ferro do mundo.

O analista do JPMorgan, Rodolfo Angele, disse em nota a clientes, na semana passada, que investidores provavelmente vão buscar no evento realizado hoje atualizações sobre os planos de alienação de ativos de carvão da Vale em Moçambique, bem como detalhes sobre outras vendas de ativos e uma potencial oferta pública inicial de ações da divisão de metais básicos.

"Notamos que a falta de detalhes sobre qualquer uma destas medidas deverá decepcionar o mercado, mas uma ação mais definitiva deverá ser vista de forma positiva", disse Angele.

 

Fonte: Reuters

 

Please reload

Featured Posts

Gerências da ANM se Manifestam

October 16, 2019

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

Search By Tags