Orinoco garante financiamento de US$ 8 Mi para Cascavel

February 19, 2015

A Orinoco Gold informou que obteve até US$ 8 milhões com um pacote de financiamento para custear a construção e o desenvolvimento do projeto de ouro Cascavel, que faz parte do projeto Faina Goldfields, em Faina (GO). O acordo, fechado com um grupo de investimentos do setor de mineração da Cingapura Chancery Asset Management, prevê capital para o desenvolvimento inicial em troca de uma parte da produção de ouro.

 

 

De acordo com as informações do comunicado enviado ao mercado, o pacote de financiamento inclui uma emissão de ações de aproximadamente US$ 780 mil, a um preço de 0,54 centavos de dólar, para clientes da Azure Capital e GMP Securities Australia. O financiamento prevê também levantar mais US$ 2,1 milhões com outra emissão.

A Orinoco disse que a construção de Cascavel terá início assim que o montante do financiamento for recebido. A mineradora australiana informou que a primeira produção de ouro do projeto está prevista para o quarto trimestre deste ano.

O grupo Chancery terá participação na produção de ouro da Orinoco em Cascavel durante três anos, valendo a partir do início da produção comercial ou desde que a Orinoco produza um mínimo de 16 mil onças de ouro em Cascavel. O acordo entre as empresas está sujeito a uma auditoria técnica (due dilligence) de 45 dias que vai ser realizada pelo Chancery.

Planos de minas mais detalhados estão em estágio avançado, seguindo o plano de desenvolvimento anunciado no ano passado, disse a Orinoco no comunicado. A previsão da mineradora de ouro é desembolsar US$ 6,6 milhões com custos de capital para estabelecer uma operação independente inicial de 40 mil toneladas por ano em Cascavel, utilizando um circuito de gravidade simples.

A Orinoco disse que a planta de Cascavel ficará localizada próximo à mina de ouro Sertão e será alimentada com o minério proveniente do plano de mina subterrânea nas áreas Mestre e Cascavel, que fazem parte do depósito Cascavel. Essas áreas foram delineadas por meio do resultado de sondagens e de amostragens subterrâneas em grande escala realizadas no ano passado, de acordo com a mineradora.

“Esse pacote de financiamento é especialmente bem adequado para fornecer a flexibilidade que um projeto de alto teor de ouro como Cascavel precisa”, disse Mark Papendieck, diretor administrativo da Orinoco.

A mineradora afirmou que, conforme informado anteriormente, a estratégia de desenvolvimento é estabelecer uma operação de baixo custo, com mineração e processamento independente, entrando em operação durante 2015.

Please reload

Featured Posts

Gerências da ANM se Manifestam

October 16, 2019

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

Search By Tags